Ferramentas Pessoais
Acções do Documento

Conferência de radiodifusão abre semana da liberdade de imprensa

Maputo, 28 Abr 08 (AIM) - Uma Conferência Nacional sobre Radiodifusão em Moçambique, tem lugar esta segunda-feira em Maputo, com o objectivo de produzir reflexões e contributos capazes de impulsionar o processo de elaboração do esboço da futura Lei de Radiodifusão no país.

A Conferência que e organizada pelo MISA-Moçambique em Parceria com o Sindicato Nacional de Jornalistas (SNJ) e o Gabinete de Informação (GABINFO), marca o arranque da semana comemorativa do Dia Mundial da Liberdade de Imprensa, que se assinala a 3 de Maio próximo.

As comemorações desta data, que este ano tem Moçambique como sede central, tem o privilégio de contar com a participação do Presidente da República, Armando Guebuza, entre outras figuras de destaque a nível nacional, continental e do mundo.

A Conferência servirá também para lançar as primeiras ideias nacionais sobre a transição tecnológica da rádio e televisão, cujos sistemas de transição devem passado sistema análogo para o digital num processo com implicações tecnológicas, financeiras e jurídico legais que deverão ser acomodados pelos Estados.

A mudança do sistema de radiodifusão, segundo uma fonte do MISA-Moçambique, surge por decisão da União Internacional das Comunicamos (UIT), entidade internacional que supervisa a área, e conta com financiamento da Organização das Nações Unidas para a Ciências Educação e Cultura (UNESCO).

A fonte destaca ainda que existe uma relação directa entre a mudança do sistema e o esboço da futura Lei de Radiodifusão ora em curso no país, por se tratar de temas que incluem, como elemento central, a gestão de frequências radioeléctricas em sistema análogo e digital.

Na terça e quarta-feira, no quadro do Prémio de Jornalismo Investigativo “Carlos Cardoso”, o SNJ promove um seminário aberto sobre Jornalismo Investigativo, visando fortalecer os conhecimentos dos jornalistas sobre a relevância e técnicasavançadas de pesquisa sobre matérias específicas de interesse público.

No âmbito das actividades comemorativas do Dia Internacional da Liberdade de Imprensa, a Iniciativa Africana dos Media (AMI) promove, igualmente, uma reflexão sobre a situação, desafios e oportunidades, expansão e consolidação da Liberdade de Imprensa e do Direito a Informação em África, para dia seguinte o MISA-Regional lançar o seu relatório anual.

Nas cerimónia solene será entregue o Prémio Anual da Liberdade de Imprensa “Guillermo Cano” uma distinção que a UNESCO atribui anualmente a figura que se destaca na luta pelo exercício, expansão e defesa da Liberdade de Imprensa. Das figuras convidadas as cerimónias centrais, para além do Chefe do Estado moçambicano, Armando Guebuza, entre outras figuras destaca-se a presença do escritor nigeriano e Prémio Nobel da Literatura 1986, Wole Soyinka e a Presidente da Comissão Nacional para a Unesco, Graça Machel.
« Outubro 2014 »
Do
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031
INTRANET


Quem pode aceder?
Esqueceu a sua senha?